sábado, 7 de junho de 2008

DERROTA HISTÓRICA.


Após a derrota para a Venezuela na sexta-feira, a terceira desde que assumiu o comando da seleção brasileira, o técnico Dunga apresentou discurso de calma, apesar do semblante de abatimento pelo primeiro revés (2 a 0) na história no confronto com os adversários da América do Sul
Dunga, que levou a seleção na excursão aos Estados Unidos, na preparação para compromissos nas eliminatórias, voltou com a primeira vitória da história do Brasil sobre o Canadá (3 a 2), mas também com a marca negativa que queda inédita diante dos venezuelanos.
Mesmo abatido, Dunga fala em calma após derrota histórica
Atual número 63 no ranking da Fifa, a Venezuela jamais havia somado ao menos um empate em confrontos com o Brasil. Antes do jogo desta sexta nos EUA, o Brasil havia derrotado os rivais sul-americanos 17 vezes em 17 jogos, com 78 gols contra apenas quatro dos adversários (de acordo com retrospecto oficial da CBF)."Tomamos um gol por erro de posicionamento e mais outro. Depois, fomos melhores no segundo tempo, mas faltou o gol. A derrota dói, até em treino. Mas isso não muda nada nossas convicções para a seqüência do trabalho", afirmou o treinador após o jogo no Gillette Stadium, em Foxborough. O treinador da seleção ainda justificou o insucesso no segundo jogo dos Estados Unidos com o desgaste do grupo e a ascensão venezuelana no cenário mundial.
"Fizemos alterações na equipe e sabíamos que corríamos um risco, pela falta de entrosamento", disse o treinador. "Mas eles também evoluíram muito, principalmente depois da Copa América, quando pegaram confiança internacional", emendou.
Antes da derrota para a Venezuela, Dunga contava com apenas dois resultados negativos à frente da seleção, em um amistoso contra Portugal no começo de 2007 em Londres e na estréia da Copa América do ano passado contra o México.
Fonte:Bruno Freitas
UOL - ESPORTES

Nenhum comentário:

MURAL

MURAL

AR PURO: NATUREZA/SOL = VIDA

AR PURO: NATUREZA/SOL = VIDA

ENTREVISTAS COM JÔ SOARES

Loading...

NATUREZA

NATUREZA